Arquivo da tag: a menina que roubava livros

Littell diz que você também faria

Postado por Fabiano Ristow

Fui no Orkut e outros sites ver o que o pessoal achou do romance As Benevolentes, do norte-americano Jonathan Littell. Um número considerável de leitores estava torcendo para os protagonistas, ou ao menos demonstraram insatisfação com o destino cruel de alguns coadjuvantes. Tudo muito bem, tudo muito bonito, se não fosse o fato de (quase) todos os personagens da história serem nazistas, comporem altos escalões responsáveis pela execução de campos de concentração, ou terem matado pelo menos um inocente à queima-roupa.

Não, não está surgindo uma onda de neonazistas (espero). Da mesma forma que as pessoas não apoiavam o crime organizado quando pediam um final feliz para Tony Soprano (sim, é uma comparação que veio à minha cabeça aleatoriamente). Esses personagens ganham a empatia do público porque não são tratados sob uma perspectiva maniqueísta; são vistos como seres humanos, atrozes mas também apaixonados, cheios de dúvidas e, principalmente, com problemas psicológicos.

(Não, eu não torci para um final feliz em nenhum dos dois casos.)

CONTINUE LENDO>

3 Comentários

Arquivado em Literatura